Menu

Blog

 07mar 

Rôgga Empreendimentos cresceu 22,5% em 2017

 

A Rôgga Empreendimentos, com sede em Joinville (SC), obteve um crescimento de 22,5% no Valor Geral de Vendas efetivadas (VGVe) em 2017, resultando em uma Receita Operacional Líquida (ROL) de R$ 187 milhões no ano. Desde o início das atividades, em 2006, a Rôgga já edificou mais de 3.300 apartamentos, o que totaliza 55 torres, correspondente a um volume de mais de 350 mil m² construídos, distribuídos em Joinville, Jaraguá do Sul, Barra Velha, Balneário Piçarras e Penha. Atualmente, estão em construção cerca de 173 mil m².

“Investimos fortemente em tecnologia e inovação para oferecer soluções cada vez mais sustentáveis. Nos últimos 5 anos foram investidos mais de R$ 25 milhões, com recursos próprios e com apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), destinados à implantação definitiva do sistema Rôgga Edifícios Sustentáveis (RES), que objetiva desenvolver empreendimentos projetados com soluções de sustentabilidade, gerando qualidade, competitividade e eficiência ambiental”, evidencia Vilson Buss, diretor-presidente da construtora.

No ano passado, a Rôgga foi listada entre as 100 maiores construtoras do Brasil no 13° Ranking da Inteligência Empresarial da Construção (ITC). Também se destacou entre as 50 companhias mais inovadoras do Sul do Brasil, na 14ª edição da pesquisa Campeãs de Inovação, feita pelo Revista Amanhã. Foi a única construtora e incorporadora da Região Sul listada no ranking. “Temos que olhar sempre para frente. Trabalhamos muito com a questão de alta competitividade, confiabilidade e inovação, para realmente estarmos na vanguarda do mercado”, declara Buss.

Em 2018, a Rôgga prevê lançamentos que abrangem todo o seu portfólio, composto por produtos das linhas Home Club, Comfort Club, Easy Club, Soft e New, que, segundo o presidente, trazem residenciais projetados de acordo com as necessidades de cada público alvo, proporcionando maior comodidade, bem-estar e segurança aos futuros moradores. Os novos lançamentos de 2018 totalizam um VGV aproximado de R$ 300 milhões. A Rôgga emprega atualmente 330 funcionários diretos e mais de 1.000 empregos indiretos.

Comentários (0)

Os comentários estão fechados.