Menu

Blog

 12dez 

Ciser adere a programa de fidelidade que busca ampliar vendas da construção civil

 

Gestores do Juntos Somos + apresentam a ação à equipe da empresa       

Lançado no final de novembro, o maior programa nacional de fidelidade do varejo de material de construção do Brasil promete movimentar as vendas das 14 empresas que aderiram à ação. No caso da Ciser, fabricante de elementos de fixação, como parafusos e porcas, a previsão é elevar em 20% a 30% os negócios voltados ao segmento. A estimativa foi revelada após encontro de gestores do programa, batizado de Juntos Somos +, com a equipe de Vendas e Marketing da indústria joinvilense.

Eduardo Bortoleto e Daniella Iervolino, responsáveis pela implementação junto às participantes, destacaram que o objetivo principal é a criação de uma plataforma de relacionamento entre o varejo e a indústria da construção civil, contribuindo para  o desenvolvimento do canal de vendas. O desafio, segundo os gestores, é “fortalecer o varejo da construção, capacitando e aproximando clientes, indústrias e profissionais que constroem sonhos”.

“O ingresso da Ciser no programa converge com a estratégia de aumentar sua participação no segmento da construção civil, que deve crescer de maneira mais robusta nos próximos anos”, revela Jaison Roberto Tomasi, da área de Administração de Vendas, destacando o envolvimento das principais marcas do mercado brasileiro nessa iniciativa. A implementação na rede varejista terá uma fase piloto entre março e maio de 2019, com a previsão de entrada em funcionamento efetivo no segundo semestre.

Ao todo, 14 empresas ingressaram no programa: Votorantim Cimentos, Tigre, Gerdau, Santander, Linx, Vedacit, Eternit, Ciser, Suvinil, Stam, Bosch, Casa do Construtor, Ourolux e Cozimax. Segundo dados divulgados pela nova empresa, a construção civil movimenta cerca de R$ 300 bilhões ao ano no Brasil, o que equivale a 4,5% do PIB.

O programa Juntos Somos + reúne mais de 40 mil lojas e cerca de 60 mil profissionais cadastrados. As lojas e profissionais da obra acumulam pontos com a compra de produtos das participantes, que são transformados em prêmios, como equipamentos para as lojas (empilhadeira, computadores), sistemas de gestão, cursos profissionalizantes, ferramentas e ações de responsabilidade social dentro das comunidades locais. Todo esse ecossistema é acessado por meios digitais, como website e aplicativos de smartphones.

Os consumidores também serão beneficiados. “Com o crescimento do programa de benefícios e o uso de inteligência artificial, a empresa aposta que as lojas de material de construção oferecerão a solução de obra e reforma. Em um futuro próximo, o cliente final poderá comprar, por exemplo, um novo banheiro para sua casa, contando com produtos e profissionais de qualidade”, afirma Antonio Serrano, CEO da Juntos Somos Mais, que administra o programa..

Até 2020, a empresa gestora planeja investir R$ 50 milhões na expansão do programa e no aprimoramento do ecossistema, adicionando novas funcionalidades e melhorando os benefícios para os participantes.

Comentários (0)

Os comentários estão fechados.